Polícia

Ibotirama – Falta de promotor adia audiência sobre caso do menino Marcio

A audiência que seria realizada nesta quinta-feira (18) no fórum de Ibotirama, no Oeste da Bahia, sobre o caso do pequeno Marcio, de 2 anos, que teve várias agulhas enfiadas no corpo pelo ex-padrasto, foi adiada para o dia 4 de março devido à falta de um promotor.

Segundo informações da TV Oeste, desde outubro de 2009 que a cidade não tem um promotor.

O promotor Eduardo Bitencourt Filho, de Barreiras, também no Oeste, foi designado para atender ao caso, mas enviou um documento justificando o adiamento da audiência, alegando não poder comparecer por falta de condições, já que tem de atender outras cidades da mesma região, nesta mesma data.

De acordo com a advogada dos acusados – Roberto Carlos e Ana Cristina – apesar de adiada, o ex-padrasto não iria participar da audiência, pois o processo dele está suspenso até que o juiz autorize o exame de sanidade mental, para que saia o resultado.

Fonte: Rádio Barreiras On-line

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: