Esporte

Torcida do Palmeiras faz protesto na véspera do clássico

Com apenas um dia de trabalho, o novo técnico Antônio Carlos já enfrentou o primeiro protesto da torcida do Palmeiras neste sábado, no CT da Barra Funda, na véspera do clássico com o São Paulo, no Palestra Itália.

Cerca de 50 integrantes da principal organizada do clube estenderam faixas lembrando a acusação de racismo que o treinador enfrentou quando ainda era jogador do Juventude, em 2006. Na ocasião, o então zagueiro foi denunciado por crime de racismo pelo volante Jeovânio, do Grêmio.

Os torcedores também criticaram os jogadores do Palmeiras, pediram a volta de Muricy Ramalho, a contratação de reforços e mudanças na diretoria. “Elenco pipoqueiro”, “Volta Muricy, fora racista” e “Belluzzo covarde” foram alguns dos dizeres contidos nas faixas dos torcedores

No entanto, jogadores e comissão técnica não puderam ver o protesto porque o ônibus com a delegação palmeirense havia deixado o CT minutos antes das manifestações. O grupo iniciou concentração em um hotel da capital paulista, antes do jogo de domingo, que começará às 17 horas.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: