Esporte

Clássico Ba-Vi coloca líderes do Baiano frente a frente

A décima rodada do Campeonato Baiano colocará frente a frente os dois maiores clubes da Bahia: Vitória e Bahia.

Além da grande rivalidade, a partida também mostrará o embate entre os líderes da competição. Enquanto os rubro-negros estão na ponta do Grupo 1, o Tricolor lidera o Grupo 2. Porém, para o duelo, que será realizado às 17 horas (de Brasília), no Estádio Pituaçu, os treinadores preferiram esconder seus times.

Com 22 pontos conquistados até o momento, o Leão vem abalado pela péssima estreia na Copa do Brasil, quando foi derrotado por 3 a 1 pelo Corinthians de Alagoas, e para o clássico, o técnico Ricardo Silva não poderá contar com Egídio, Valmir e Neto, que estão entregues ao Departamento Médico do clube. Apesar de não ter revelado a formação principal, o técnico Ricardo Silva não deverá colocar Neto Berola, Schwenck e Bida em campo, uma vez que não estão agradando.

Segundo Vanderson, um dos principais jogadores do Rubro-negro, o favoritismo da partida fica por conta do Bahia. “Será muito mais difícil. O Bahia está subindo de produção e acho que são favoritos. Mas esta derrota na Copa também nos motiva, como aconteceu no primeiro clássico. Minha cabeça só pensa no Ba-Vi, assim como dos meus companheiros”, comentou o atleta, que deverá jogar na defesa, ao jornal A Tarde.

Pelo lado tricolor, o segredo da escalação ainda está mantido. Com 15 pontos conquistados na competição estadual, o time de Renato Gaúcho poderá contar com os retornos de Ávine, recuperado de uma fratura no nariz, Rogerinho, e o capetinha Edílson, que havia passado por uma crise de amidalite. Por outro lado, Bruno Silva é ausência certa, por conta de uma suspensão, e deverá dar lugar a Leandro.

Nos treinamentos realizados nesta semana, o comandante do Bahia deu pistas de quais serão os jogadores responsáveis pelo setor defensivo. Apesar de inúmeros revezamentos, Apodi e Diego deverão atuar pelas laterais, Vagner e Nen formarão a dupla de zaga, e Marcone e Leandro serão os volantes.

“Estou tranquilo e pronto para a possibilidade de ser titular. Claro que jogar a primeira partida logo num clássico dificulta, mas não adianta se desesperar. É um clássico de multidões, assim como Vasco e Flamengo”, comentou Diego, recém-contratado pela equipe de Salvador.

Informações da Espnbrasil

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: