Política

Bomba! Fernando de Fabinho negocia adesão e pode ser secretário de Wagner

Uma noticia chegada agora há pouco dá conta de uma provável adesão do deputado federal Fernando de Fabinho ao governo Jaques Wagner (PT).

Segundo a fonte, Fabinho estaria rompendo com o ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho (Democratas), seu guru político, e negociando a sua adesão ao governo estadual. A noticia corre solta em Feira de Santana.

A negociação envolve a indicação de Fernando de Fabinho para uma Secretaria Estadual, provavelmente a de Agricultura, e apoio à reeleição do governador Jaques Wagner. As negociações passam pela desfiliação do parlamentar do Democratas, partido por onde ele foi eleito em 2008, obtendo a 3ª maior votação da legenda.

A sua indicação para a Secretaria da Agricultura abriria caminho para a permanência de Jairo Carneiro em Brasília, que voltaria à suplência agora com o retorno do secretário João Leão à Câmara Federal, que deve se afastar do governo para disputar a reeleição.

Especula-se nos bastidores de que o deputado não mais disputaria uma vaga na Câmara Federal, admitindo, contudo, disputar a Assembleia Legislativa, a depender do cenário.

Desde que perdeu a indicação para Tarcízio Pimenta para disputar a Prefeitura de Feira de Santana que Fabinho estaria desgostoso com a política. Sabe-se que andava mesmo desanimado, cuidando de seus negócios, como um hotel que adquiriu na Linha Verde.

O maior perdedor com a ida de Fabinho para o governo estadual é o ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo. Os dois são “compadres-irmãos”, como o ex-prefeito de Santa Bárbara gostava de falar. A estratégia do governo é tentar dividir os votos em Feira de Santana, considerado hoje um forte reduto da oposição. Antes, o atual deputado Jairo Carneiro havia se transferido para o PP para também poder se transformar em governista.     

Por Evandro Matos

To Top
%d blogueiros gostam disto: