História

Politicos de todas as correntes enviam mensagens de pesar por Jânio Lopo

Várias mensagens de pesar pelo falecimento do jornalista Jânio Lopo chegaram à redação da Tribuna da Bahia, onde ele trabalhava como Editor do Caderno de Politica. Ex-governadores, senadores, deputados federais, estaduais, vereadores e politicos de todos os partidos se manifestaram, revelando o sentimento de perda e o quanto Jânio representava no meio jornalístico.

Segue texto de Paulo Souto a respeito do nosso amigo Jânio Lopo

A comunicação da Bahia vive um momento de tristeza com a perda de um de seus principais nomes, o jornalista Jânio Lopo. Combativo, espirituoso, Jânio sempre se pautou pela coragem de seguir as suas convicções e defender seus pontos de vista, especialmente na Tribuna da Bahia e, mais recentemente, no fértil terreno da internet, com a criação primeiro de site com seu nome, que posteriormente foi transformado no Política Hoje. Minhas condolências para a família, para os muitos amigos de Jânio e especialmente para os jornalistas da Bahia.

ACM Neto lamenta morte de Jânio Lopo

O deputado ACM Neto (DEM) lamenta, com profundo pesar, o falecimento do renomado jornalista baiano Jânio Lopo, editor e articulista político do jornal Tribuna da Bahia e âncora do site Política Hoje. “Estou muito triste com a morte de Jânio Lopo, que tinha uma inteligência rara para escrever sobre política. Ele fará uma enorme falta ao jornalismo baiano. Não vai ser fácil se acostumar a abrir a página dois da Tribuna e não encontrar mais os seus artigos. Aqueles que gostam de ler sobre política perderam muito com o falecimento de Jânio Lopo”, diz Neto. ACM Neto presta condolências à família do jornalista, “que, além de excelente profissional, sempre foi uma figura afetuosa e querida por todos”.

Nota do senador César Borges

O senador César Borges, transmitindo seu sentimento pessoal e o da equipe, lamenta a morte do amigo Jânio Lopo, comentarista político, editor de política da Tribuna da Bahia e diretor do blog Política Hoje, ocorrida hoje. É uma perda que deixa consternado o jornalismo e o mundo político baiano, ante tantas qualidades pessoais e profissionais que destacavam Jânio, entre elas a generosidade, a cordialidade e o extremo senso de justiça. Aos filhos, esposa, colegas da Tribuna e do Política Hoje, prestamos inteira solidariedade, rogando a Deus para que a dor da perda precoce seja superada pela graça de ter participado do seu convívio.

Mensagem do senador ACM Junior sobre a morte de Jânio Lopo

O senador Antonio Carlos Junior (DEM) lamentou hoje (ontem) a morte do editor de Política da “Tribuna da Bahia”, Jânio Lopo. “Quem conviveu com Jânio Lopo sabe que ele nunca abriu mão da ética e do respeito às pessoas”, afirmou o senador. De acordo com ACM Junior, em mais de 30 anos de profissão, Jânio Lopo honrou o jornalismo baiano e brasileiro, “fazendo críticas consistentes e coerentes, escrevendo artigos contundentes e fiscalizando a atuação dos políticos”. “A todos os meus amigos da Tribuna, em especial aos jornalistas, o meu sentimento de pesar pelo falecimento de Jânio Lopo. Agora, vai ficar um vazio enorme para todos nós que gostamos de política e nos acostumamos a ler os artigos diários de Jânio Lopo”, afirmou o senador.

NOTA PMDB – Jânio Lopo

O PMDB – Partido do Movimento Democrático Brasileiro – vem comungar com a família, amigos e os profissionais da imprensa baiana, o sentimento de irreparável perda pelo falecimento do jornalista JANIO LOPO, ocorrido nesta sexta-feira, dia 05.

Um dos mais conceituados e respeitados profissionais da imprensa da Bahia, Janio Lopo construiu uma carreira profissional pautada pela coragem, firmeza, coerência e total intransigência na defesa da verdade e da liberdade de expressão. Da mesma forma como a sua conduta pessoal sempre se caracterizou pela sinceridade, lealdade e solidariedade para com os amigos.

A sua breve trajetória de vida deve servir como exemplo aos jovens jornalistas e àqueles que, nos bancos das universidades se preparam para exercer o ofício de levar a verdade dos fatos à opinião pública. Mas, principalmente, deve servir como referência para  todos os que estejam comprometidos com a construção de uma sociedade mais justa, sem desigualdades e com um mundo em que todos, sem exceção, sejam verdadeiramente cidadãos.

Lúcio Vieira Lima

Presidente do PMDB da Bahia

Deputado federal Luis Carreira (DEM) – mensagem de pesar pela morte de Jânio Lopo:

“A morte de Jânio Lopo deixa uma lacuna impreenchível no jornalismo baiano. Quem se acostou a ler sua coluna diariamente, de acompanhar as suas análises e comentários, certamente, sentirá falta do jornalista que pautou a sua carreira pela integridade e honestidade. Aos familiares de Jânio Lopo e à Tribuna da Bahia, a sua casa, os meus sentimentos.” 
Deputado federal Luiz Carreira (DEM). 

Gaban lamenta morte de Jânio Lopo

O deputado estadual Carlos Gaban (DEM) lamentou nesta sexta-feira (5) o falecimento do jornalista Jânio Lopo, editor de Política da Tribuna da Bahia e âncora do site Política Hoje. “Jânio era uma figura singular no jornalismo baiano. Tanto pelo talento para escrever e analisar o cenário político baiano quanto pelo humanismo. Era um cavalheiro com incontestável talento para o jornalismo”, afirmou o democrata. Para Gaban, os leitores baianos irão sentir muita falta de Jânio Lopo. “Eu lia todos os dias a coluna de Jânio Lopo e vou sentir falta disso. Também vou sentir falta das conversas e da gentileza dele. Foi uma grande perda para a Bahia”.

Tarcizio Pimenta – Prefeito de Feira de Santana

“A morte de Jânio Lopo atinge em cheio a imprensa baiana, porque ele se tornou um profissional emblemático no jornalismo político”. Afirmou o prefeito Tarcizio Pimenta ao saber do falecimento do editor de Política do jornal Tribuna da Bahia, ocorrido na tarde desta sexta-feira. O prefeito se solidariza com todos os familiares e com os colegas de Jânio Lopo na Tribuna da Bahia e no site Política Hoje, que era comandado pelo jornalista.

Edson Borges – Secretário de Comunicação de Feira de Santana

 “Lá se vai mais um grande professor da imprensa baiana. Toda a equipe da Secom sente muito a morte de Jânio Lopo. O talento de Jânio Lopo era indiscutível e deve ser muito bem memorizado na história da imprensa baiana, principalmente como exemplo de um jornalismo realmente fundamentado na informação e na análise centrada, sem achismo e sem estrelismo”.

 

Deputado federal Severiano Alves

“A imprensa baiana perdeu hoje um representante exemplar. Ao longo da sua carreira, o jornalista e intelectual, Jânio Lopo, exerceu com eficiência o propósito da profissão, que é informar à sociedade sobre os acontecimentos, principalmente da esfera política, para que seja formada de fato por cidadãos. Registro meu pesar aos familiares e amigos deste grande profissional.”

Tiago Piñeiro Martins – Membro do PTN

Não apenas no meio jornalístico, mas também no político, o sentimento de luto está presente pela perda do jornalista Jânio Lopo, Editor de Política e Colunista do jornal Tribuna da Bahia além de âncora do site Política Hoje.

Neste momento presto minha solidariedade a família desse honrado e intrépido jornalista, além de estender meu pesar aos seus colegas da Tribuna da Bahia, do site Política Hoje e todos aqueles que tiveram o privilegio de trabalhar, e conviver, com tão valoroso profissional da comunicação baiana.

Com os meus sentimentos

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: