História

Exposição de fotos antigas abre festa pelo aniversário de Cachoeira

Cachoeira, importante cidade do passado da Bahia, comemora 173 anos de vida como cidade. Ao longo dos séculos, viu muitas transformações.

Com a inauguração da exposição fotográfica “Memórias”, e o lançamento do Concurso de Redação para alunos do ensino médio e fundamental da rede pública, a Câmara de Vereadores abre oficialmente nesta terça-feira (9), às 19h30min, a programação em comemoração ao aniversário de 173 anos da elevação de Cachoeira à categoria de Cidade.

As atividades culturais acontecerão durante toda semana, culminando com a sessão solene no dia 13 de março, às 9h, tendo como orador o jornalista Jorge Luis Ramos.

Na quarta (10) e quinta-feira (11), serão exibidos no auditório da Câmara de Vereadores, às 19h, filmes de curta-metragem de cineastas baianos, que têm como temas a cultura ou a própria cidade como cenário. No dia 13, data do aniversário de Cachoeira, a programação da Câmara começa às 8h com alvorada festiva, seguida de hasteamento de bandeiras e da sessão solene.  

História 

 

Cachoeira nasceu às margens do Rio Paraguaçu, no século XVI, quando os engenhos de cana de açúcar começaram a ser instalados na região do Recôncavo. Antes da colonização, era habitada por tribos indígenas. 

Seu desenvolvimento teve início a partir da primeira metade do século XVII. Esta evolução está vinculada aos colonizadores Paulo Dias Adorno e Rodrigues Martins, donos da terra em que fora assentada a povoação que deu origem a cidade.

O entorno da atual capela de Nossa Senhora d’Ajuda, construída no engenho da família Adorno, sob invocação de Nossa Senhora do Rosário, é considerado o marco inicial da povoação, que em 1674 foi convertida em freguesia. Em 1698, a então freguesia alcança a categoria de Vila com denominação de Nossa Senhora do Rosário do Porto da Cachoeira.

Com a expansão da economia açucareira e da atividade comercial, a vila prosperou principalmente nos séculos XVII e XVIII, quando se construíram belas casas, igrejas e conventos, valiosas peças da arquitetura da influência barroca.  

Em 25 de junho de 1822 na então Vila de Cachoeira foram travadas as primeiras lutas da guerra pela Independência do Brasil, consolidada somente em 2 de Julho de 1823.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: