Educação

Concurso em Ilhéus: Falha na cidade foi ‘episódio isolado’, diz Fundação

Após problemas durante a realização de provas para o concurso de enfermeiros da FESF-SUS, ocorridos na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia, a direção da Fundação Estatal Saúde da Família emitiu nota de esclarecimento sobre o fato ocorrido.

Segunda a Fundação, o fato constituiu um “episódio isolado e restrito”, tendo em vista que o concurso ocorreu em 25 capitais brasileiras e mais sete cidades do interior da Bahia e “sem nenhum problema de qualquer natureza”.

Sobre as medidas que serão tomadas para resolver os problemas dos candidatos prejudicados, a FESF esclarece que foi decidida a criação de uma Comissão para apurar o episódio. Com base nos trabalhos apresentados por essa Comissão, após o prazo de cinco dias, a Fundação tomará todas as “medidas legais e contratuais cabíveis”. Por fim, lamentou o ocorrido.

Troca de Provas

No domingo (21) vários candidatos desistiram de participar do exame por conta de um engano por parte dos fiscais e da própria organizadora, a AOCP. Várias provas foram trocadas e candidatos às vagas de enfermagem receberam provas de outras áreas, como odontologia. Na ocasião foi sugerido aos candidatos que fossem feitas cópias das verdadeiras provas, mas eles se recusaram e desistiram de concorrer.

O concurso foi aberto para 1.200 profissionais, com vagas voltadas principalmente para a área de saúde. Destas, 351 eram destinas a enfermeiros.

Por Leandro Matos

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: