Polícia

Pai e filha são sequestrados e mortos brutalmente no municipio de Barreiras

Um duplo assassinato na região conhecida como Estrada do Café tirou a vida de Guerino Kieling (62) e de sua filha Lisi Kieling (35 anos).

O crime teria sido praticado por duas pessoas e presenciado por Leonilda Kieling, esposa de Guirino.

Segundo informações de um agente de polícia de Luís Eduardo Magalhães, cidade onde a ocorrência foi registrada, Leonilda Kieling foi até a delegacia de LEM para denunciar o assassinato do esposo e da filha. 

“Ela chegou aqui em estado de choque, apresentando dificuldade de raciocínio, dizendo que os criminosos a mantiveram por dois dias em cárcere privado no meio do mato e que só não teria sido morta por ter implorado pela vida”, disse o agente, informando que durante o depoimento, Leonilda falava que “eles queriam a fazenda toda”, dando a entender que o crime pode ter sido motivado por disputa de terra.  

Além da Fazenda Kieling, no município de Barreiras, a família é proprietária de mais duas fazendas no Paraguai. Além de Lisi, o casal tinha outros filhos.  

A partir da denúncia, a Polícia Civil e uma guarnição da Cipe-Cerrado foram até o local do crime. “O assassinato foi bárbaro, as vítimas foram atingidas por tiros e tiveram suas cabeças esmagadas por um objeto contundente”, revelou o agente da civil.  

Informações do Nova Fronteira

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top
%d blogueiros gostam disto: