Educação

Estudante da Universidade Federal de Pernambuco é assassinada a tiros

A estudante de Radialismo e TV da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Fernanda Patrícia Veras Mateus, de 26 anos, foi morta em um assalto no quilômetro 7 da estrada de Aldeia, nesta terça-feira (12), por volta das 15h, em Recife.

“Uma aluna brilhante”. Foi assim que o professor de comunicação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) José Afonso Júnior definiu quando soube a noticia.

Fernanda estava indo para Aldeia coletar informações para o seu trabalho de conclusão de curso, juntamente com a amiga Lorena Albuquerque, 25, que dirigia o veículo. As duas pararam para pedir informações quando o assalto foi anunciado por dois homens.

O delegado Roberto Geraldo, da Delegacia de Camaragibe, afirmou que Fernanda não entregou a bolsa e levou um tiro. Um dos homens ainda tentou puxar, mas o outro acabou disparando no rosto dela.

Logo depois do disparo, Lorena, que não foi atingida, conseguiu escapar e dirigiu até uma granja próxima ao local do crime.

“Ela era uma aluna destacada, proativa, uma pessoa incrível”, afirmou bastante abalado o professor. Fernanda, que concluiria sua graduação este ano, atuou como monitora da disciplina de introdução à fotografia na UFPE e voltou, recentemente, de um intercâmbio de um ano na França.

Fernanda estudou cinema na Université Lumière Lyon e, atualmente, trabalhava em uma produtora de vídeos, no Recife. “Ela era muito esforçada. Mesmo tendo ficado longe um ano, não atrasou o curso”, disse.

Afonso lamentou a onda de violência que, cada vez, está mais perto dos pernambucanos. “Esta é uma grande perda para a faculdade, para os alunos, para a sociedade”. Informações do JCOnline.

To Top
%d blogueiros gostam disto: