Esporte

Jacuipense x Floresta em Fortaleza por vaga na Série C do Brasileiro

O Jacuipense viajou de avião para Fortaleza, capital do Ceará, para o confronto de hoje à tarde, às 16h, no Estádio Presidente Vargas, diante do Floresta, pelas quartas de final da Série D do Campeonato Brasileiro. Para avançar para a Série C em 2020, a equipe de Riachão do Jacuípe só precisa superar este adversário. Isso acontecendo, estará nas semifinais e automaticamente classificado.

Jacuipense joga no PV por um bom resultado para decidir a vaga em casa

O técnico Janílson Veloso não contará com o meia Danilo Rios, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, além do lateral direito Paulinho (contundido), mas contará com o retorno do zagueiro Mateus, que ficou de fora no jogo passado por cumprir suspensão. Eldair deve ser o substituto de Danilo Rios e Paulinho Souza segue na lateral direita. No meio campo ainda o técnico mantém a dúvida entre Borges e Daniel Alves, devendo decidir no vestiário.

De passagem pelo futebol cearense, Marcelo Nicácio hoje defende o Jacuipense

De passagem pelo futebol cearense (Fortaleza, Ceará, Icasa, Caucaia e Atlético), o atacante Marcelo Nicácio, com 36 anos, se mostrou confiante em entrevista para o jornal Diário do Nordeste. “A nossa equipe é cascuda, experiente e sabe aquilo que quer. Entramos na competição com um pouco de desconfiança, mas sabíamos da capacidade do grupo e o nosso trabalho está sendo bem reconhecido. Temos uma oportunidade para coroar com esse acesso”.

Floresta não terá zagueiro

O Floresta considera o jogo diante do Jacuipense, como o mais importante de sua história. Por isso o técnico Raimundinho considera que o sonhado acesso para a Série C precisa ser encarado com real, mas com seriedade. E para abrir uma vantagem no confronto contra o time baiano, o Floresta vai querer tirar proveito do mando de campo, já que faz o primeiro jogo em casa.

Jogadores do Floresta realizam, motivados, o último treinamento (Foto: Kid Júnior / SVM)

Para chegar a esta fase decisiva para o acesso, o Floresta precisou de um grande resultado em casa contra o Bragantino/PA, ao vencer por 3 a 1, partida considerada modelo para sair vencedor hoje. Nesse jogo, a equipe foi taticamente perfeita, abrindo três gols de diferença com autoridade, destaque para a grande partida do atacante Paulo Vyctor, autor de dois gols na disputa.

“Temos duas grandes batalhas pela frente. Serão 180 minutos. Não podemos nos desesperar nos primeiros 90 e jogar com sabedoria, obediência tática, como pede nosso técnico. É manter o mesmo foco e fazer aquilo que a gente sabe. Quando chegar em campo, temos que desempenhar nosso papel e se Deus quiser conquistarmos nosso acesso”, destacou o técnico.

Raimundinho, técnico do Floresta, está confiante num triunfo (Foto: jornal O Povo)

Para o duelo desta tarde, Raimundinho não contará com o zagueiro Caça-Rato, que foi expulso diante do Bragantino/PA, realizado no Presidente Vargas. (Da redação do Interior da Bahia, com informações do Diário do Nordeste).  

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas