Interior da Bahia

Política

Senador Cid Gomes defende que Tabata Amaral fique no PDT

O senador Cid Gomes (CE) acha que o PDT deveria ter uma “dose de boa vontade” para com Tabata Amaral, que votou a favor da reforma da Previdência, contra a orientação do partido. Segundo o irmão de Ciro Gomes, a deputada ainda é nova na política e “sem traquejo”. Porém, para Cid, Tabata deve ter a humildade de se comprometer a seguir as orientações partidárias daqui para frente. “Se ela tinha posição contrária, há instâncias às quais ela poderia ter recorrido internamente”, diz ele. É um apoio político peso-pesado para a parlamentar.

Cid: PDT deveria ter boa vontade com Tabata (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Sem divórcio. Cid também propõe um tratamento diferenciado a Tabata porque o voto dela não foi fisiológico. “Quem vendeu o voto ao governo, por cargo ou emenda, deve ser expulso do PDT. Ao que me consta, não foi o caso de Tabata.”

Vertical. Para Cid, no entanto, o momento é de fortalecer os partidos. Para o senador, isso só vai acontecer quando os eleitores souberem de fato qual é o posicionamento de cada legenda sobre cada assunto.

Vem! A ex-senadora Marina Silva (Rede) também entrou na disputa por Tabata Amaral, cortejada por vários partidos, como o Cidadania e o PSDB. Marina ligou para prestar solidariedade aos ataques que a deputada vem recebendo. (Fonte: Estadão).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas