História

Pesquisador apresentará visões diferentes sobre Conselheiro na 1ª Feira Literária de Canudos

A 1ª Feira Literária de Canudos (Flican) trará para a Bahia o paulista Leopoldo Bernucci, estudioso da obra de Euclides da Cunha e professor da Universidade da Califórnia-Davis, nos Estados Unidos, onde leciona literaturas brasileira e hispano-americana e ocupa a cátedra Russel F. and Jean H. Fiddyment de Estudos Latino-americanos. Ele está entre os convidados mais aguardados desta edição e fará a conferência de abertura no próximo dia 21, às 20h, no Espaço Edivaldo Boaventura.

Leopoldo Bernucci, estudioso da obra de Euclides da Cunha

Bernucci abordará as diversas faces de Antônio Conselheiro e como o líder de Belo Monte (antiga Canudos) era visto por Euclides da Cunha; jornalistas brasileiros e estrangeiros; testemunhas locais; escritores de ficção; párocos do interior baiano, autoridades do Estado da Bahia e militares que participaram da Guerra de Canudos.

Bernucci abordará as diversas faces de Antônio Conselheiro (Foto: Flavio de Barros)

Além de professor, Bernucci é autor e editor de numerosos ensaios e livros acadêmicos sobre literatura e cultura espanhola e americana dos séculos 19 e 20. Entre suas obras estão ‘A imitação dos sentidos’, ‘Discurso, ciência e controvérsia em Euclides da Cunha’, ambos dedicados a estudos sobre ‘Os sertões’. Mais recentemente, ele lançou ‘Paraíso suspeito: a voragem amazônica’, no qual resgata as relações intertextuais entre Euclides da Cunha, Alberto Rangel e o famoso escritor colombiano José Eustasio Rivera. (Fonte: Ascom/Flican).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas