Política

Senador Arolde de Oliveira, que defendeu o uso da cloroquina, morre de Covid-19

Senador pelo estado do Rio de Janeiro, Arolde de Oliveira morreu, nesta quarta-feira (21), aos 83 anos, devido a complicações da Covid-19. Ele teve falência múltipla de órgãos. A informação foi divulgada pela própria família no Twitter do senador.

A informação foi divulgada pela própria família no Twitter do senador / Foto: Agência Senado

“Comunicamos que nesta noite (dia 21 de outubro) o Senhor Jesus recolheu para si nosso amado irmão, Senador Arolde de Oliveira. Falecido vítima de Covid e como consequência a falência dos órgãos. A família agradece o carinho e orações”, dizia o comunicado na rede social.

Quando a pandemia chegou ao Brasil o senador fez diversas publicações nas redes sociais defendendo o uso da hidroxicloroquina, que nunca teve efeito comprovado cientificamente no combate à Covid-19.

To Top
%d blogueiros gostam disto: