Política

Riachão: Com alta renovação, veja a nova composição da Câmara

No último domingo (15) foram eleitos os novos vereadores de Riachão do Jacuipe. Apenas sete dos treze com mandatos conseguiram a reeleição, enquanto cinco novatos irão assumir em 1º de janeiro de 2021. Beto de Eny (PCdoB), foi novamente o mais votado.

Contudo, como todos os candidatos que disputaram o pleito, a votação caiu bastante. Com mais de mil votos na eleição anterior, Beto agora obteve 885.

O pleito foi marcado por surpresas, como a não eleição de Érico Matos, filho da ex-prefeita Tânia, e de Gabriel, filho do ex-prefeito Lauro Falcão, que apesar de se eleger, teve uma votação aquém da esperada. Confira os eleitos e os suplentes abaixo:

Beto de Eny (PCdoB) 885 votos 4,02%;

João Igor (PSD) 862 votos 3,92%;

Marquinhos (PP) 792 votos 3,60%;

Franklin Santana (PSD) 673 votos 3,06%;

Zil de Barreiros (PCdoB) 629 votos 2,86%;

Gabriel de Laurinho (PP) 628 votos 2,85%;

Professor Leandro Magno (DEM) 592 votos 2,69%;

Adonias de Barreiros (PSD) 588 votos 2,67%;

Meidian da Chapada (PTB) 570 votos 2,59%;

Xavier (DEM) 566 votos 2,57%;

Ninho (PT) 553 votos 2,51%;

Raimundo Chuá (DEM) 523 votos 2,38%;

Nem de Aureliano (PDT) 465 votos 2,11%.

Suplentes:

Celinho • PSD 581 Votos;

Irmão Boka • DEM 503 Votos;

Érico Matos • PTB 486 Votos;

Daniel Maia • PP 473 Votos;

Robinho • PDT 458 Votos;

Adelson • PT 446 Votos.

To Top
%d blogueiros gostam disto: