Esporte

Vitória goleia o Paraná fora de casa e se afasta do Z-4 da Série B

Foi só na 25ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, mas o Vitória enfim conseguiu vencer o primeiro jogo como visitante na competição nacional. O triunfo aconteceu na noite desta terça-feira, 1º, no Estádio Durival Britto, em Curitiba, onde o Rubro-Negro fez 4 a 1 no Paraná. Vico, Léo Ceará (duas vezes), e Jean (contra) marcaram os gols do Leão.

O triunfo aconteceu na noite desta terça-feira, 1º, no Estádio Durival Britto, em Curitiba

Além dos responsáveis pelos gols da goleada, o fim do tabu como visitante teve também Rodrigo Chagas como protagonista. Por enquanto ele ainda é só o treinador interino, mas com dois triunfos em dois jogos, ganha força para ser efetivado no cargo. Inclusive, foi a primeira vez que o time baiano conseguiu uma ‘dobradinha’ na competição.

Sob a batuta do ex-jogador e ídolo rubro-negro, o time tem conseguido se afastar da zona de rebaixamento. O Vitória agora é 14º colocado, com oito pontos de vantagem para o Z-4. O próximo compromisso do Leão é na sexta-feira, 4, contra o Confiança, no Barradão.

Primeiro tempo

O torcedor que ligou a TV para assistir Paraná e Vitória viu um jogo tecnicamente fraco nos primeiros minutos. Nenhuma das equipes conseguia criar chances de gol e a bola rodava mais pelo setor de meio de campo. Sem jogadas agudas, a emoção ficou por conta de alguns sustos que rubro-negros e tricolores levaram com saídas erradas de seus times.

Se com a bola rolando as jogadas não fluiam, o Vitória aproveitou o momento em que ela ficou parada para abrir o placar. Aos 20 minutos Vico cobrou falta com categoria, por cima da barreira, e fez um bonito gol no Durival Britto. O atacante não balançava as redes desde setembro, quando marcou em partida válida pela 10ª rodada.

O gol deu tranquilidade aos jogadores do Leão, que passaram a cometer menos erros e conseguiram ter mais controle do jogo. Os donos da casa só chegaram no ataque com perigo aos 31’, quando Paulo Henrique chutou cruzado e a bola passou perto da trave defendida por Ronaldo.

Na reta final do primeiro tempo o Paraná cresceu de rendimento e criou oportunidades de finalização para Renan Bressan e Matheus Matias. O Tricolor também tentou chegar ao empate em cobranças de falta e escanteio, mas a zaga do Leão conseguiu segurar a onda no pior momento do time e o Vitória foi para o intervalo na frente.

Virou goleada

Os donos da casa voltaram para a segunda etapa com uma atitude mais ofensiva. Foram duas tentativas de finalização já nos primeiros minutos. Andrey foi travado por Wallace quando arriscou da entrada da área, e Renan Bressan parou em Ronaldo quando arriscou de longa distância.

A resposta rubro-negra veio com Léo Ceará. O camisa nove recebeu ótimo passe de Guilherme Rend e mandou uma bomba, que foi defendida por Filipe. Tudo isso antes dos cinco minutos do segundo tempo.

Léo Ceará voltou a aparecer com perigo no ataque aos 23 minutos. Ele foi lançado nas costas da zaga e, quando invadia a área, foi puxado pelo defensor do Paraná. O árbitro marcou a penalidade e o próprio jogador foi para a marca da cal. Com a cobrança convertida, Léo chegou ao nono gol na Série B.

Dois minutos depois de marcar o segundo, o Leão chegou ao terceiro no Durival Britto. Lucas Cândido ganhou disputa no corpo pelo lado esquerdo do ataque, cruzou, e viu Jean desviar contra o próprio gol.

O Tricolor diminuiu o prejuízo com Vitinho Mesquita, aos 41 minutos, mas já era tarde e reação ainda foi freada pelo décimo gol de Léo Ceará na Série B. O atacante recebeu passe dentro da área e mandou no ângulo de Filipe.

A goleada em Curitiba confirmou o bom momento do Vitória na competição. Além dos tabus batidos, o time chegou ao quinto jogo de invencibilidade, com três triunfos nesse período. (Fonte: A Tarde).

To Top
%d blogueiros gostam disto: