Saúde

Brasil volta a registrar mais de mil mortes pela covid-19 em 24h

O Brasil voltou a registrar nesta terça-feira (29) mais de mil mortes pela covid-19. De acordo com o Ministério de Saúde, mais 1.111 casos fatais foram confirmados de ontem para hoje. Além disso, 58.718 infecções foram registradas pela pasta, que soma desde o início da pandemia, 7.563.551 diagnósticos positivos e 192.681 vítimas da doença.

Os casos de Covid-19 têm aumentado no final do ano no Brasil

A última vez que o país registrou mais de mil mortes de um dia para o outro foi em 17 de dezembro. Com os acréscimos de volta na casa dos milhares, a média móvel de mortes, assim como a de casos, subiu. De acordo com análise do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass), o Brasil confirma, em média, 34.961 infecções e 632 mortes por dia.

Com o aumento dos acréscimos, o Brasil se vê cada vez mais próximo das 200 mil mortes, marca negativa que, no mundo, apenas os Estados Unidos já ultrapassaram. São 334.116 óbitos pela covid-19, segundo a Universidade Johns Hopkins.

Especialistas se preocupam que as festas de fim de ano acelerem o caminho até o recorde de 200 mil perdas. Nesta terça (29), o Centro de Contingência do Coronavírus do Estado de São Paulo divulgou uma carta para conscientizar a população e pediu que se evitem aglomerações.

No documento, os especialistas revelam que o número de infecções pelo novo coronavírus registrado em dezembro já é seis vezes maior do que a soma dos três primeiros meses da pandemia.

O estado de São Paulo lidera o ranking de casos e óbitos das unidades federativas. Ao todo, já são 46.195 mortes e 1.440.229 casos confirmados. Junto, no topo da tabela, estão o Rio de Janeiro e Minas Gerais, que também registraram mais de 10 mil óbitos.

No outro lado do ranking, apenas três estados não ultrapassaram a barreira das mil mortes pela covid-19. Amapá, Acre e Roraima já confirmaram, respectivamente, 913, 791 e 773 casos fatais. (Fonte: Correio Braziliense).

To Top
%d blogueiros gostam disto: