Entretenimento

Globo vende a Som Livre para Sony Music por R$ 1,4 bilhão

Nesta quinta-feira (01/04), a TV Globo anunciou que vendeu a Som Livre para a Sony Music Entertainment. A gravadora do grupo estava no mercado desde novembro do ano passado. 

O conglomerado estrangeiro vai desembolsar R$ 1,43 bilhão (cerca de US$ 255 milhões) para adquirir a empresa. Para o acordo ser concretizado, é necessária a aprovação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). O preço da compra foi informado pela Sony Music para a SEC (Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos), agência federal que atua na regulamentação e controle dos mercados financeiros, segundo potal G1. 

Atualmente, a Som Livre tem um elenco de cerca de 80 artistas, que inclui Marília Mendonça, Jorge & Mateus, Wesley Safadão, Lexa, Israel e Rodolffo, Dudu MC, Filipe Ret e Grupo Menos é Mais. A empresa também atua em edição musical, música ao vivo e distribuição digital.

Ainda segundo a informação do portal, a gravadora foi criada em 1969 para a elaboração de trilhas sonoras das produções da emissora carioca e revelou nomes como Djavan, Rita Lee e Novos Baianos. Atualmente, é a terceira maior gravadora que atua no Brasil, atrás das multinacionais como a Sony e Universal, mas à frente da Warner. A Sony Music Entertainment é uma empresa dos EUA que pertence ao conglomerado japonês Sony.

Segundo a empresa americana, ” A Som Livre se tornará um centro criativo independente dentro da Sony Music que continuará a contratar, desenvolver e promover seu próprio elenco de talentos.” Marcelo Soares continuará como CEO da empresa.

To Top
%d blogueiros gostam disto: