Esporte

Alexi Portela rompe com Paulo Carneiro: ‘Quer mandar sozinho’

Ex-presidente do Vitória, Alexi Portela voltou a tecer críticas à gestão de Paulo Carneiro e disse que se afastou da política do clube. Em entrevista ao programa BN na Bola, da Rádio Salvador FM 92,3, apresentado por Emídio Pinto, Glauber Guerra e Ulisses Gama, o mandatário da Liga do Nordeste disse que o Conselho de Administração, previsto para funcionar logo após a posse de Carneiro, em abril de 2019, não saiu do papel, e que “se o presidente quer mandar sozinho ele vai mandar sozinho”.

“Eu realmente me afastei do clube desde dezembro. A partir do momento que faz um grupo, as decisões têm que ser tomadas em colegiado (…) Estou muito triste com a condição de ele mandar sozinho no clube. Não vou para lá. Sei que o regime é presidencialista, mas a partir do momento que eu não estou apoiando, estou fora”, afirmou.

Alexi lembrou também que passou oito anos no Vitória, e disse que, neste período, “não teve nenhuma briga, nenhuma discussão”. Por outro lado, ele isenta o atual presidente de culpa pela situação financeira do clube.

“Há dois anos, eu disse que isso [crise financeira] ia acontecer. Não pode culpar o Paulo por isso, são as duas administrações anteriores. É uma situação muito complicada, e por isso que entramos, para ser todo mundo junto, tomando as decisões em conjunto e isso não foi feito. Ninguém vai salvar o clube do jeito que tá. São dividas astronômicas e não pode dá para culpar o atual presidente”, ponderou, destacando que não enxerga Carneiro como um “inimigo”.

E complementou: “Hoje em dia, se você cair para uma Série B é complicado, porque não tem mais aquele colchão para pagar suas dívidas. São times de Série A com recursos de Série B, porque sai de 60, 70 milhões para 6”.

Nesta segunda-feira (14), a comissão que investiga a gestão do presidente Paulo Carneiro entregou o relatório ao Conselho Deliberativo e, segundo informou o jornalista Glauber Guerra durante o programa, “tem coisas preocupantes lá”. O próximo passo é marcar a reunião do Conselho para discorrer sobre o tema. Portela, que não está em Salvador, preferiu não comentar muito sobre o assunto.

O presidente da Liga do Nordeste aproveitou para desmentir o boato de que teria sido peça-chave na contratação do atacante Dinei, ídolo do Vitória que estava no Jacuipense. Apesar disso, afirmou que “por mim teria vindo antes”. (Fonte: Bahia Notícias)

To Top
%d blogueiros gostam disto: