Política

Indígenas são reprimidos com gás lacrimogêneo no Congresso; veja

[Indígenas são reprimidos com gás lacrimogêneo no Congresso Nacional; assista]
Por: Reprdução/Twitter 

Um grupo de indígenas que protestava no Congresso Nacional na manhã desta terça-feira (22) foi reprimido com gás lacrimogêneo. Eles protestavam contra o PL 490, projeto que pode facilitar a desapropriação de terras indígenas, que já foram demarcadas, que deve ser votado na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados (CCJC).

“Hoje, mais uma vez, os povos indígenas pedem aos deputados e deputadas que rejeitem a proposta que desfigura seus direitos constitucionais. Ainda dá tempo dos parlamentares da CCJC reverem suas posições e dizerem não ao PL 490”, afirmou a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib).

O líder da oposição na Casa, Alessandro Molon (PSB-RJ), afirmou que está acompanhando o ataque aos manifestantes. O deputado Jorge Solla (PT-BA) questionou a diferença do tratamento dado aos representantes do agronegócio e aos indígenas.

“No Congresso, o agronegócio é recebido com cafezinho, tem seus interesses todos atendidos, suas multas perdoadas, sua grilagem regularizada, crimes anistiados. Já os índios, massacrados em seus territórios, quando vão a Brasília pedir socorro são recebidos e tiro, porrada e bomba”, declarou o petista. (Fonte: BNews)

(Fonte: BNews)

To Top
%d blogueiros gostam disto: