Esporte

Neymar e Jorginho são finalistas ao prêmio Bola de Ouro 2021 de melhor jogador do mundo

Brasileiros estão entre os 30 nomes na disputa, em que Messi briga pelo sétimo troféu. Vencedor da prestigiada eleição da revista France Football será revelado no dia 29 de novembro

A revista “France Football” divulgou nesta sexta-feira a lista dos 30 finalistas ao tradicional prêmio Bola de Ouro, depois da votação de 180 jornalistas internacionais. O troféu será entregue no dia 29 de novembro, em cerimônia no Théâtre du Chatelet, teatro de Paris.

Os dois brasileiros na briga são o atacante Neymar, do Paris Saint-Germain, e o volante Jorginho, do Chelsea, naturalizado italiano e campeão da última Champions League e da Eurocopa-2020.

Não houve Ballon D’Or no ano passado devido à pandemia de Covid-19. O último vencedor foi o argentino Lionel Messi, quando ainda jogava pelo Barcelona. Ele é o maior ganhador da premiação (seis vezes: 2009, 2010, 2011, 2012, 2015 e 2019), que está em sua 65ª edição, e tem a chance de faturar o título novamente.

O jovem espanhol Pedri, do Barcelona, também concorre ao título de melhor jogador sub-21 (veja abaixo), assim como aconteceu com o francês Mbappé em 2018. E o italiano Donnarumma participa no mesmo ano da disputa específica entre os goleiros pelo Troféu Yashin.

OS CANDIDATOS À BOLA DE OURO 2021:

Riyad Mahrez (Manchester City)

N’Golo Kanté (Chelsea)

Erling Haaland (Borussia Dortmund)

Leonardo Bonucci (Juventus)

Mason Mount (Chelsea)

Harry Kane (Tottenham)

Gianluigi Donnarumma (Milan / PSG)

Karim Benzema (Real Madrid)

Raheem Sterling (Manchester City)

Nicolò Barella (Inter de Milão)

Lionel Messi (Barcelona / PSG)

Bruno Fernandes (Manchester United)

Pedri (Barcelona)

Luka Modric (Real Madrid)

Giorgio Chiellini (Juventus)

Kevin De Bruyne (Manchester City)

Neymar (PSG)

Rúben Dias (Manchester City)

Lautaro Martínez (Inter de Milão)

Simon Kjaer (Milan)

Robert Lewandowski (Bayern de Munique)

Jorginho (Chelsea)

Mohamed Salah (Liverpool)

César Azpilicueta (Chelsea)

Romelu Lukaku (Inter de Milão / Chelsea)

Cristiano Ronaldo (Juventus / Manchester United)

Gerard Moreno (Villarreal)

Phil Foden (Manchester City)

Kylian Mbappé (PSG)

Luis Suárez (Atlético de Madrid)

Dos 30 nomes relacionados, 14 atuam hoje em clubes da Inglaterra, incluindo os recém-contratados Cristiano Ronaldo, pelo Manchester United, e Romelu Lukaku, pelo Chelsea. Os times com o maior número de representantes são Manchester City e Chelsea, finalistas da última Liga dos Campeões, com cinco cada.

A Bola de Ouro esteve restrita a jogadores europeus até 1995. Daquele ano até 2006, a eleição passou a considerar atletas de outras nacionalidades que também atuavam no futebol da Europa. De 2007 em diante, a revista abriu a escolha para qualquer futebolista do mundo.

A France Football também divulgou a lista de 20 finalistas à Bola de Ouro feminina, apontadas por 50 jornalistas. O troféu entre as mulheres foi entregue pela última vez em 2019, para Megan Rapinoe.

Além de candidatos à Bola de Ouro para homens e mulheres, a France Football revelou os 10 concorrentes ao Troféu Yashin (em homenagem ao russo Lev Yashin), para o melhor goleiro da temporada, e 10 ao Troféu Kopa (tributo ao francês Raymond Kopa), para o melhor jogador sub-21. O brasileiro Ederson, do Manchester City, está na briga entre os goleiros, mas não há nomes do Brasil entre os finalistas para o melhor jovem.

O júri do Troféu Yashin foi o mesmo da Bola de Ouro masculina, e teve como ganhador mais recente o brasileiro Alisson. Já os eleitores do Troféu Kopa foram os últimos 32 vencedores do principal prêmio da revista francesa. O holandês De Ligt faturou esse título em 2019.

Lionel Messi é o maior vencedor da Bola de Ouro, com seis troféus no currículo — Foto: Getty Images

(Fonte: Ge)

To Top
%d blogueiros gostam disto: