Entretenimento

Luciano proíbe Netflix usar sua imagem em documentário

Cantor deu entrada em liminar para proibir que imagens suas fossem utilizadas em É o amor: Família Camargo, série estrelada pelo irmão, Zezé

Conforme a coluna LeoDias revelou com exclusividade neste sábado (20/11), o cantor Luciano Camargo entrou na Justiça para impedir que a Netflix utilize imagens suas na série É o Amor: Família Camargo, estrelada pelo irmão, Zezé, e a sobrinha, Wanessa. Procurado pela reportagem, o sertanejo confirmou a decisão por meio da assessoria de imprensa.

Fontes revelaram à coluna que Luciano teria ficado descontente com o tratamento que a Netflix reservou a ele. Os episódios foram gravados ao longo de todo ano de 2020, na fazenda da família, no interior de Goiás. O cantor, que divide os palcos com Zezé há mais de 30 anos, só foi procurado para dar um depoimento à produção no último dia 4 de setembro, quando a dupla se apresentou no Espaço das Américas, em São Paulo.

Luciano ficou insatisfeito com tratamento dado pela Netflix e entrou na Justiça para proibir uso de imagens suas em produção da plataforma de streaming.

Cena de É o Amor: Família Camargo | Divulgação/Mauricio Santana

Durante todo o processo de produção da série documental, a equipe de Luciano foi sondada três vezes por representantes da plataforma. Numa delas, o objetivo era fazer com que o sertanejo assinasse um documento autorizando o uso de imagens de arquivo nos episódios, que já estariam editados. Foi a gota d’água para que o irmão de Zezé resolvesse recorrer à justiça. (Fonte: Metrópoles)

To Top
%d blogueiros gostam disto: