Educação

Vestibular Uesb 2022: Baixa abstenção e tema “Insegurança Alimentar” na redação

Acordar cedo na manhã de domingo para responder provas de Língua Portuguesa, Literatura Brasileira, Língua Estrangeira e Matemática e escrever uma Redação. Essa foi a escolha que pode mudar o destino de quase oito mil candidatos que se inscreveram no Vestibular Uesb 2022. A maratona de questões começou neste domingo (5), nas cidades de Itapetinga, Jequié e Vitória da Conquista.

Com candidatos vindos de diversos locais da Bahia e mesmo do Brasil, além da ansiedade, as malas trazem, também, máscaras e álcool gel. Para o primeiro processo seletivo organizado desde que teve início a pandemia de Covid-19, a preparação foi diferenciada.

“A gente buscou todos os meios para estudar, on-line ou presencial”, contou a estudante Giovana Maia, que viajou de Salvador à Conquista para fazer as provas. O sonho do ingresso na Uesb também foi o que levou Tómas Aquino a sair de Recife rumo a Bahia. “Minha expectativa é a melhor possível!”, definiu.

Prova de Redação – O grande protagonista do primeiro dia de provas do Vestibular foi o tema da Redação. Seguindo a tendência de cobrar temática sociais, como foi abordado na série “X da Questão”, o Vestibular Uesb 2022 apresentou aos candidatos o tema “Desafios para superar a insegurança alimentar no Brasil”.

Para o professor de Redação, Caio Aguiar, o tema poderia ser abordado como um desafio, principalmente ao pensá-lo a partir de duas questões que contribuem para o problema: o capitalismo, com rotinas muito aceleradas que prejudicam a alimentação; e a desigualdade social, que leva pessoas a se alimentar mal. “Do ponto de vista estrutural, o candidato teria que deixar os desafios bem claros na introdução”, sugeriu.

Segundo ele, a argumentação poderia ser construída com base em exemplos, como a própria Constituição Federal, ao lembrar de pessoas que, por conta da desigualdade social, acabam por ter apenas na escola a possibilidade de se alimentar de forma saudável. “Outra questão que também se mostra um desafio é a própria pandemia, que deixou ainda mais clara a desigualdade social, principalmente no Brasil”, pontuou.

A prova de Redação exigiu dos candidatos um texto dissertativo argumentativo com, no máximo, 30 linhas. De acordo com o Manual do Candidato, os critérios de avaliação são: entendimento do tema, clareza de argumentação e senso crítico, seletividade de informação, criatividade, originalidade e utilização das normas da Língua Portuguesa. “O aluno que consegue visualizar quais são os desafios, com certeza, teve um bom desempenho”, acredita o professor.

Primeiro dia de provas em números – O Vestibular Uesb 2022 oferta 1.264 vagas abertas em 47 cursos de graduação. Estão envolvidos na realização do processo seletivo, cerca de 500 pessoas da comunidade acadêmica da Uesb, além do Instituto Avalia, banca que aplica as provas. Neste primeiro dia, a Comissão Permanente do Vestibular (Copeve) registrou uma média de 10% de abstenção, nos três campo. (Fonte: Blog do Sena).

To Top
%d blogueiros gostam disto: